Esta mãe estava prestes a abortar. Até que Deus resolveu mostrar isso na clínica para ela




Esta mãe estava prestes a abortar. Até que Deus resolveu mostrar isso na clínica para ela 

Jill se encontrou no meio de um processo de aborto numa clínica que estava preparada para recebê-la.

Mas no meio do caminho, Deus enviou a ela um sinal para que ela refletisse seus atos e fizesse o certo.

Ela ficou noiva de um homem a quem amava incondicionalmente e estava prestes a começar uma nova vida com ele. Mas todos esses sonhos evaporaram num piscar de olhos, quando ela se viu sozinha no altar, constrangida e humilhada por um homem que jamais apareceu no próprio casamento.

Devastada, Jill se recolheu para repensar a sua vida. Foi quando descobriu que estava grávida daquele cara.

O ex-noivo foi direto em sua resposta: “Aborte!”.

Jill ficou relutante, mas achou que era o certo abortar o bebê, Até que ela viu algo que não esperava ver.

Quando chegou na clínica, duas mulheres pró-vida estavam do lado de fora, tentando convencer diversas mulheres a reconsiderarem suas decisões. O ex-noivo passou reto, mas Jill conseguiu ouvir as súplicas das mulheres: “Por favor, não mate seu bebê! Jesus ama seu bebê!”

Dentro da clínica, Jill conta que foi atendida com frieza e que tudo parecia estranho. Mas quando ela estava pronta para realizar o aborto, Deus a enviou um sinal. Ela não esperava ver uma foto do ultrassom do seu filho. O ultrassom havia sido deixado por engano por algum funcionário da clínica na mesa ao lado onde Jill estava sentada.

Jill ficou vendo os pequenos braços do bebê, suas perninhas, cabeça. Ali, ela sabia que não poderia tirar a sua vida.

Jill esbravejou para os funcionários que não iria realizar o aborto. Seu ex-noivo tentou convencê-la, mas ela deu as costas e foi embora.

Meses depois, Jill deu à luz o seu filho, Nicholas Joseph, e o educou por sua conta. Ser mãe solteira não é fácil, mas ela não se arrepende nem um pouco da sua decisão.

“Isso não cabe a nós. Não cabe a ninguém. Eu amo o meu filho com todas as forças. Deus me mostrou isso e enviou aqueles dois anjos na porta para me alertar sobre o aborto”, conta Jill.

Deixe sua opinião abaixo... Comente!




7 comentários:

  1. Eu não entendo como as pessoas podem pensar em tirar a vida de um ser que só nos trás alegrias e nos da forças para viver , eu fui mãe bem nova na flor da idade mais sinceramente ter a minha filha foi a melhor coisa que aconteceu na minha vida , falei um pouco da nossa história aqui ~> http://www.cheiadeinvencao.com/2015/12/ser-mae-e-ser-feliz-somente-por-ser-mae.html ! A história do seu post é linda é uma pena que isso ainda existe e acontece diariamente ...adorei seu blog e sua baby é linda <3 Parabéns ! beijos beijos

    www.cheiadeinvencao.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, concordo com você. Tbm não consigo entender isso!
      Obrigada Bjus!

      Excluir
  2. Eu gosto dessa palavra,muito forte ABORTO, as pessoas tem ser mais responsável,pensar antes de engravidar, para não falar engravide sem querer...
    Ninguém faz nada sem querer,agora em caso extremo de estrupo,já é outra questão...
    Beijokass

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpe a palavra ficou errada,eu não gosto dessa palavra...

      Excluir
    2. Desculpe a palavra ficou errada,eu não gosto dessa palavra...

      Excluir
    3. Desculpe faltou a palavra eu não gosto dessa palavra....

      Excluir
    4. Desculpe faltou a palavra eu não gosto dessa palavra....

      Excluir